Conferência reúne vereadores e prefeitos do Estado para debater retomada econômica

0
60
Conferência reúne vereadores e prefeitos do Estado para debater retomada econômica

A Câmara Municipal de Fortaleza realizou na manhã desta segunda-feira, 8 de novembro, a conferência Vozes da Retomada. Com o tema “A superação dos desafios econômicos pós-pandemia: um esforço conjunto entre o Legislativo e o Executivo, o evento reuniu vereadores e prefeitos de todo o Estado do Ceará, possibilitando a troca de experiências sobre as medidas adotadas para garantir a retomada da economia, a geração de emprego e renda, e o fomento ao empreendedorismo nos municípios.

O encontro, idealizado pelo presidente do Legislativo, vereador Antônio Henrique (PDT), reforça o papel do Parlamento na discussão e tomada de decisão de importantes medidas voltadas para atender as demandas da população e demonstra o alinhamento junto ao Executivo, na aprovação de ações essenciais que visam auxiliar os fortalezenses nessa retomada econômica.

Ressaltando os desafios no enfrentamento da pandemia, o presidente Antônio Henrique destacou a importância da harmonia entre os poderes Legislativo e Executivo na proposição e execução de políticas públicas de forma a garantir assistência à população e reduzir os impactos econômicos. O gestor também apontou a importância do momento e da troca de experiências entre os gestores e parlamentares.

“É uma alegria enorme contar com a presença de todos vocês neste evento que tem o objetivo de integrar os municípios da Região Metropolitana em prol do fortalecimento da nossa economia nesse próspero e desafiador cenário das atividades econômicas. Juntos somos a área que concentra importantes empreendimentos da indústria, dos serviços e do comércio. E esta nova realidade exige da gente organização e parceria para que a economia volte com força, responsabilidade e resultado. Queremos encontrar aqui soluções conjuntas”, apontou o presidente.

O prefeito de Fortaleza, José Sarto (PDT), também reforçou a parceria entre os poderes e o papel dos vereadores na aprovação e contribuição para a melhoria de ações propostas pelo Executivo que garantiram o enfrentamento da segunda onda da Covid-19 na Capital. Dentre as medidas adotadas, o gestor apontou a ampliação de leitos, a distribuição de cestas básicas, a vacinação da população, além do pacote de refinanciamento de dívidas e ampliação do cartão Missão Infância.

Sarto ainda anunciou que tem buscado recursos junto ao Senado para garantir a implantação de um programa de proteção alimentar na Capital. “Estou fazendo um movimento e contactando os deputados federais para que possam nos ajudar a oferecer proteção alimentar em Fortaleza. O senador Chiquinho Feitosa já me garantiu R$ 7 milhões de reais, eu já consegui R$ 10 milhões e vamos direcionar exclusivamente para a proteção alimentar da população da cidade”, informou.

O prefeito do Eusébio, Acilon Gonçalves (PL), também destacou os desafios que enfrentou em suas gestão para conter a disseminação do coronavírus, garantir assistência da população e diminuir os impactos econômicos. Dentre as medidas adotadas citou a ampliação dos programas sociais, com 4 mil novos beneficiários, o refinanciamento de dívidas, a restruturação das aulas que passaram a ser online, e a busca pela garantia de insumos e assistência médica aos pacientes que necessitaram de atendimento e leitos.

Acilon ressaltou que tem mantido o diálogo e contato direto com setores do comércio e indústria a fim de garantir a recuperação de impostos e retomada econômica. O gestor também tem buscado junto ao SINE garantir a geração de empregos, direcionando as vagas principalmente para os que necessitaram do auxílio emergencial.

O momento também contou com a participação do ex-prefeito Roberto Cláudio (PDT), que destacou o protagonismo que os Parlamentos podem ter nesta retomada econômica diante da compreensão das necessidades da população. “As Câmaras Municipais, que são ambientes plurais e democráticos podem ter, como estão tendo um papel protagonista, harmônico e de coesão com o Executivo na busca e identificação de soluções para o dia a dia na vida das pessoas. E o que a gente espera é que haja uma retomada que não seja só progressiva, mas definitiva. A união é fundamental em momentos como esses, mesmo com a divergência de ideias, mas juntos em prol de um bem maior”, afirmou.

Roberto ainda defendeu que a pauta da retomada deve ser econômica e social com previsão de recursos do orçamento federal e com orientação de uma política pública nacional, mas ponderou que diante da ausência deste gesto os municípios e estados terão novamente que unir forças. Dentre os principais desafios, citou o desemprego, endividamento e a corrosão da capacidade de compra.

Após a fala dos gestores, os participantes tiveram a oportunidade de contribuir com o debate, fazendo perguntas e dando depoimentos sobre as suas experiências diante do enfrentamento da pandemia.

Conferência reúne vereadores e prefeitos do Estado para debater retomada econômica

DEIXE UMA RESPOSTA