FIEC marcará presença na COP 26, na Escócia, nesta quarta-feira, 3 de novembro

0
50
FIEC marcará presença na COP 26, na Escócia, nesta quarta-feira, 3 de novembro

O Presidente da FIEC, Ricardo Cavalcante, será representado pelo Coordenador de Energia da Federação, Joaquim Rolim. Ele fará uma apresentação sobre o Hidrogênio Verde e as oportunidades de investimentos no Nordeste e falará sobre o case do Ceará relativo ao tema

Os principais líderes mundiais participam, até o próximo dia 12 de novembro, da COP 26, conferência da Organização das Nações Unidas sobre o Clima. E a Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), Associação Nordeste Forte e CNI marcam presença no evento com uma apresentação do Coordenador de Energia, Joaquim Rolim, sobre o Hidrogênio Verde e as oportunidades de investimento no Nordeste Brasileiro. A apresentação acontece nesta quarta-feira, 03 de novembro, ao meio-dia (horário local), e poderá ser acompanhada pelo YouTube do Ministério do Meio Ambiente.

“Nosso objetivo principal é mostrar o enorme manancial que a Região Nordeste possui para a geração de energia limpa, renovável e a preços competitivos. Além disso, temos a complementaridade entre as fontes eólica e solar, com atributos de produtividade diferenciados a nível mundial. Vamos mostrar também o case Ceará, que sai na frente neste tema tão relevante. Com isso, temos como contribuir fortemente para acelerar o desenvolvimento do hidrogênio verde e contribuir para a descarbonização do mundo, tão necessária e urgente”, ressalta Joaquim Rolim

O Hub de Hidrogênio Verde (H2V) do Ceará já acumula 12 Memorandos de Entendimento firmados com conglomerados internacionais e representa um esforço importante do Ceará, em uma união entre Governo do Estado, FIEC, Complexo do Pecém e Academia, para promover o desenvolvimento do Ceará com melhor aproveitamento das energias renováveis.

De acordo com o Presidente da FIEC, Ricardo Cavalcante, as previsões relacionadas ao H2V são as melhores possíveis. “O H2V vai mudar as condições socioeconômicas e financeiras do Ceará. A prioridade da FIEC agora é trabalhar muito, gerar muito emprego, fazer com que as indústrias voltem a contratar. Temos quase 500 mil pessoas desempregadas no Ceará e o desafio é esse. Eu sinto que a retomada da economia está acelerada e a gente precisa estimular, temos feito isso em todas as casas”, ressalta o Presidente.

Sobre a COP 26

Até o dia 12/11, lideranças de mais de cem países vão se reunir em Glasgow, na Escócia, para discutir compromissos que possam garantir a meta do Acordo de Paris, que é manter o aumento da temperatura média da Terra em, no máximo, 1,5°C.

Durante o evento, o Brasil vai apresentar seu compromisso de reduzir as emissões de gases do efeito estufa em 37% até 2025 e em 43% até 2030. Além disso, também deve oficializar o objetivo de antecipar em 10 anos, de 2060 para 2050, a neutralidade de carbono no país. Outra promessa adiantada pelo presidente Jair Bolsonaro é o de zerar o desmatamento ilegal até 2030.

FIEC marcará presença na COP 26, na Escócia, nesta quarta-feira, 3 de novembro

DEIXE UMA RESPOSTA