Tiago Ribeiro é eleito prefeito de Cascavel até dezembro de 2020

0
1120
Tiago Ribeiro (prefeito) e Lurdenis Vieira (vice) foram eleitos com 41,8% dos votos validos (16.558) – Reprodução/Facebook

O advogado e administrador Tiago Ribeiro foi eleito neste domingo (5/5) prefeito do município de Cascavel-CE, até 31 de dezembro de 2020, com 41,8% dos votos validos (16.558), segundo dados do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), que coordenou a eleição suplementar. A vice é Lurdenis Vieira. A posse deverá ocorrer até quarta-feira, dia 15 de maio.

Foi um domingo tranquilo de votação, após planejamento bem conduzido pela Presidência do TRE, a Corregedoria Regional Eleitoral e o Cartório Eleitoral da 7ª Zona.

Paulinha Dantas (candidata a prefeita) e Juliana Pompeu (vice), obtiveram 12.441 votos (31,41%) e José (Zé) Isaías de Lima (candidato a prefeito) e Atalita Castro (vice) – consegui 10.609 votos (26,78%).

Dos 52.470 eleitores de Cascavel, 8,978 deixaram de comparecer, o que representa uma abstenção de 17,11%.

Funcionaram 203 seções eleitorais, distribuídas em 79 locais de votação. Foram convocados 812 mesários para o dia do pleito. Além da juíza eleitoral, Leopoldina Fernandes, e da promotora eleitoral, Rosalice Monte, trabalharam nas eleições os 6 servidores do cartório e 7 servidores do TRE.

Cassação

As eleições suplementares em Cascavel se devem à cassação dos mandatos de prefeita de Ivonete Mateus Pereira, conhecida como Ivonete Queiroz, e do vice-prefeito de Waltemar Matias de Sousa, na ação de Investigação Judicial Eleitoral, que foi confirmada pela Corte do TRE.

Outras suplementares

Além de Cascavel, outros dois municípios realizaram eleição neste domingo: Santa Luzia do Norte, em Alagoas, e Irupi, no Espírito Santo, para mandato até 31 de dezembro de 2020. Os pleitos aconteceram porque os prefeitos dessas localidades – eleitos em 2016 – tiveram seus mandatos cassados pela Justiça Eleitoral.

DEIXE UMA RESPOSTA