Estudo aponta reflexo da guerra da Ucrânia na indústria cearense

0
13
Estudo aponta reflexo da guerra da Ucrânia na indústria cearense
Foram entrevistados 91 empresários cearenses - Foto: Reprodução

Uma sondagem especial realizada pelo Observatório da Indústria, em parceria com a Confederação Nacional da Indústria (CNI), e publicada nesta segunda-feira (27/06), aponta que quase metade dos empresários cearenses perceberam efeitos negativos da Guerra na Ucrânia em suas empresas. Os dados foram compilados com base em informações condensadas durante o mês de maio deste ano.

De acordo com a “Sondagem Especial: Impactos da Guerra na Ucrânia no Setor Industrial Cearense”, 44,9% dos empresários cearenses indicaram ter percebido efeitos negativos nas empresas após o início do conflito. Cerca de 29,6% disseram não ter percebido mudanças, enquanto 25,5% não souberam ou preferiram não responder.

A análise indica que, dentre os empresários que afirmaram terem sentido mudanças negativas, os motivos mais presentes foram: aumento de preços de insumos e/ou de matérias-primas (79,4%); aumento no custo de energia (66,8%); e dificuldade logística (31,1%).

Ao todo, foram entrevistados 91 empresários industriais cearenses, sendo 71 da indústria geral e 20 na construção civil. O período de coleta foi realizado entre os dias 1º e 12 de abril deste ano.

O estudo completo está disponível na sessão “Sondagens Especiais”, do site do Observatório da Indústria.

Fonte: FIEC.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here